Festa e muita emoção da chegada do Encontro com Deus da Igreja Batista




100_1076-copyFoi uma verdadeira festa em meio a muita emoção, fé, louvor e devoção da Deus na chegada dos 123 retirantes que passaram o final de semana, 18 a 20, na Chácara Jean Benevides antiga Chácara Bela Vista em um dos maiores Encontro com Deus já realizado pela igreja Batista Nacional de Espigão do Oeste.

100_1078-copyAlém das 123 pessoas envolvidas no Encontro com Deus, 90 pessoas trabalharam nas equipes de Intercessão, apoio, cozinha, decoração, limpeza dentre outros. A chegada dos retirantes ocorreu na noite de domingo e teve sua sede a quadra de esportes da Escola Jerris Adriani Turatti que ficou pequena para acolher familiares e a população de modo geral que foi participar da festa de recepção das pessoas que participaram do encontro, jovens, adolescentes, adultos, solteiros, casais e até famílias.

100_1092-copyO Pastor Rodrigo Ferrari ao falar com a reportagem do O Cone Sul disse que o Encontro com Deus para a Igreja significa um marco, um divisor de águas, da vida de muitas pessoas. É um local aonde a Igreja se retira por um período de 03 dias; um ambiente para que se tenha uma experiência pessoal com Cristo aonde é trabalhado a cura interior, a libertação, a restauração dos sonhos e a conversão de muitas vidas aos pés do Senhor, “Cremos que através do Encontro com Deus essas vidas são libertas, curadas, famílias são restauradas, e um novo tempo começa na vida de cada encontrista”, mencionou o Pastor Rodrigo salientando que  O “Encontro com Deus” faz parte de uma das fases da Visão Celular da Igreja , que possui quatro degraus: Ganhar; Consolidar; Discipular; e Enviar, enquadrando-se este, no segundo estágio e nesta ocasião busca-se em especial, firmar a fé de cada participante, no qual a maioria destes são novos, na caminhada cristã.

Um dos participantes do encontro e no seu testemunho, disse que a sua vida nunca mais será a mesma. “Pensava que tinha uma vida feliz, que não precisa de Jesus Cristo, mas nesse Encontro com Deus percebi que não sou nada e que sou totalmente dependente do Senhor Jesus. No encontro pude perceber que a verdadeira felicidade só existe quando temos Jesus e reconhecemos Ele como senhor e Salvador de nossas vidas”, destacou.