Municípios do Vale do Jamari serão orientados pela Agevisa à destinação final do lixo




cemetron_residuos-hospilataresA Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) orientará, da próxima terça (4) à quinta-feira (6),  técnicos e assessores municipais de saúde do Vale do Jamari para elaboração de planos de gerenciamento de resíduos sólidos. Participarão da reunião em Ariquemes, responsáveis  pelo setor em unidades estaduais, municipais e privadas, conforme anunciou nesta sexta-feira (31) a gerente técnica de Vigilância Sanitária, Andrea Godinho.

A pauta engloba a segregação do resíduo produzido até sua destinação final; o que é lixo comum e infectante; e o manejo em geral.

Andrea Godinho espera entre 80 a 100 participantes nesta sequência de encontros anteriores para educação continuada.

Para a coordenadora do Núcleo de Gestão Ambiental do Centro de Medicina Tropical de Rondônia (Cemetron), Márcia Abrantes Alves, o momento exige conscientização e responsabilidade.

Depois de 20 anos de debates, a aprovação da Política Nacional de Resíduos Sólidos deu início a uma forte articulação institucional envolvendo a União, estados e municípios, além do setor produtivo e a sociedade em geral.

Segundo Andrea, vislumbrou-se mais qualidade de vida para os brasileiros, entretanto, as soluções se apresentam lentas. “Somos o meio em que vivemos; saúde ambiental ignorada resulta em saúde pública superlotada, daí a importância do esforço geral dos municípios para que nosso estado, a Amazônia e o País possam realmente se transformar”, acentuou.

Fonte
Texto: Montezuma Cruz
Fotos: Ademilson Knightz
Secom – Governo de Rondônia